A Importância do Capacete no Ambiente de Trabalho

Todos os trabalhadores têm o direito e obrigação de exercer as suas atividades profissionais com equipamentos de segurança, para se protegerem dos acidentes de trabalho e doenças ocupacionais. Entre os equipamentos de segurança primordiais para os trabalhadores, está o capacete.

De acordo com a norma NR6, criada pelo Ministério do Trabalho e do Emprego, os capacetes de segurança, assim como os outros EPIs (Equipamentos de Proteção Individuais), precisam ser usados por trabalhadores dentro e fora do ambiente de trabalho.

Os capacetes de segurança só podem ser usados por profissionais treinados para a sua utilização, manutenção, limpeza, inspeção, aplicação e armazenamento corretos. Caso o capacete seja usado de forma errada pode aumentar os riscos de acidentes do trabalho e levar a morte.

A importância do capacete no ambiente de trabalho

Todos os equipamentos de proteção individuais (EPIs), são importantes e obrigatórios, no entanto, o capacete é um dos mais importantes, pois tem a função de proteger a cabeça do trabalhador.

Os capacetes são importantes para proteger a cabeça e o crânio dos profissionais nas mais variadas atividades profissionais que colocam essas importantes partes do corpo em risco, em especial em canteiros de obra.

Para que o capacete tenha condições de proteger o trabalhador, ele precisa estar em ótimas condições, sem arranhões ou buracos e devem ser higienizados e guardados do jeito certo. Toda empresa tem obrigação de fornecer aos seus empregados todos os equipamentos de proteção individuais.

O capacete pode até incomodar, mas sem ele, não tem como o trabalhador exercer as suas atividades, porque como já foi dito, ele protege a cabeça do trabalhador contra ferimentos e pancadas que podem provocar verdadeiras tragédias.

Dicas para usar o capacete no ambiente de trabalho

1 – Se o trabalhador tiver que exercer as suas funções em locais com muito vento, seu capacete deve ter uma fita que o deixará preso na cabeça, ela tem que passar por debaixo do pescoço, assim ela evitará que o capacete caia, lembrando que o equipamento não pode ficar nem muito apertado e nem muito folgado.

2 – A aba frontal do capacete deve sempre estar na frente, pois a função da aba do capacete é proteger o profissional de quedas de objetos.

3 – Capacete trincado ou com fissuras devem ser descartados.

4 – Não use gorros, bonés ou chapéus por baixo do capacete, pois o equipamento foi criado para ser usado sozinho e outros chapéus evitam a fixação da aranha do capacete na cabeça.

5 – Lave o capacete com sabão neutro, assim ele durará mais tempo.

6 – Use o capacete seguindo todas as normas de segurança da empresa.

Portanto os equipamentos de segurança do trabalho, devem ser fornecidos pela empresa, eles precisam ser novos e não conter defeitos. O capacete, assim como os outros equipamentos de segurança, são feitos para proteger uma vida. Mesmo que o uso dos equipamentos incomode um pouco, não abra mão de utilizá-los sempre. Se houver algum problema com o seu capacete, procure um profissional de segurança na sua empresa e informe o ocorrido.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *